janeiro 02, 2012

Colírio da Semana - " I wish I know how to quit you!"


JAKE GYLLENHAALL

Não, não estão a delirar (embora o caso não seja para menos!). Depois de um ano sabático, a hedonista mais exigente deste Boudoir (e arredores) - Hedonê - Tia Hedonê para @s dilect@s sobrinh@s, está de volta!

Lilith is REALLY Back!

E não podia deixar de assinalar o meu regresso com o já viciante, crocante, inebriante, vibrante, apaixonante, estonteante, inconstante e excitante: Colírio da Semana. Até para começarmos o ano 2012 em absoluta beleza Apolínea! Pois uma vez que dizem que o mundo vai acabar, é bom que seja em cuecas. Preferencialmente nas deste colírio!

Algures durante o ano passado a Tia foi ver o filme "O Amor é o Melhor Remédio". Gostou e mandou embrulhar. O remédio, claro. O Amor ficou lá: no guião e na belíssima interpretação de Jake Gyllenhall e Anne Hathaway (que já é a segunda vez que tem a felicidade de contracenar com Jake!)

Depois achei que o rapaz estava com alguma dificuldade em tirar a roupa e a Tia Hedonê sabe que neste Boudoir há sempre sobrinhas e sobrinhos solícitos e prontos a dar uma mãozinha...

Dizem que vivemos em Democracia, por isso, seguindo esses nobres princípios: Primeiras! Quer isto dizer que Jake terá que passar primeiro pela Casa da Partida... que é como quem diz - pelas mãos macias e envolventes desta Lilith.

E nada de queixumes, que já lá vai uma temporada sem colírios a lavar os olhinhos. Agora é só manifestações de gerações de enteados de um país orfão... Greves Gerais. E até um Primeiro Ministro que nos manda emigrar! O que vale é que a Tia é uma cidadã do mundo, senão voltaria a dar o grito - não do Ipiranga, mas o nosso muy luso e democrático: Primeiras!

Riquezas da vossa Tia! Vou dar-vos uma novidade em disco: Tristezas não (a)pagam dívidas. Assim sendo, convido-vos a voltarem ao convívio Boudoiresco e à experiência do AVE (Acidente Vascular Erótico) durante o ano mais badalado de sempre,  desde o famoso ano 2000 e o seu bug de estimação. Ai, como a Tia Hedonê adorava ter um bug de estimação!

Ou isso, ou este Príncipe da Pérsia! Estendia-lhe o tapete com requintes de refinadíssima malvadez e o moço nem precisava de ir à Máquina Zero, precisaria apenas de fazer a inspecção regulamentada pela lei. Da Atracção: uma das mais importantes Leis Universais.

A Tia Hedonê considera que Jake, um  Sagitariano com Ascendente em Leão, tem um sorriso capaz de contribuir em doses proibitivas para o Aquecimento Global, tal é o fogo em que ele arde e é tão visível a olho... quase nú. E para quem já não se lembra (depois de um ano não posso levar a mal que a vossa memória me tenha, selectivamente, catapultado para o quase esquecimento...), a Tia adora que o talento também seja visível e palpável. Piquinhos no pipi e cócegas na inteligência! Ó Doce Martírio!

Deleitem-se, pois! com um dos sorrisos menos Darko do cinema Norte Americano.

Fosse eu Heath Ledger, e teria pedido para ser eu a dizer a famosa frase que Jake grita desesperado em  Brokeback Mountain: I wish I know how to quit you!

Desejo (porque a Tia Hedonê deseja sempre) que o vosso 2012 seja o ano de todas as plumas, velas perfumadas, incensos tibetanos por entre sedas indianas, rendas e cetins. A voz de Ella ou Sinatra na vitrola. Flutes e banhos de espuma. Orgasmos múltiplos e pétalas de rosa aos pés d@ voss@ Deus@ interior.

Chuacs da Tia e Bem Vindos de volta ao aconchego do Boudoir ;)

Hedonê











8 comentários:

Astrid Annabelle disse...

SMACK!!!SMACK!!!
Um para a Tia e outro para...nem às paredes confesso!!!
Bom retorno...nice to see you!!!
Astrid Annabelle

piquinho de azedo disse...

querida tia,
por muito "viciante, crocante, inebriante, vibrante, apaixonante, estonteante, inconstante e excitante" que o rapaz seja, a tia é muito mais, a tia é a mais que tudo. por isso, perante o rapaz eu daria o também famoso (e ainda mais português) grito quando chega a altura de pagar: últimos! justificação: i don't brockback mountain. espero também que o "really back" da tia não seja o mesmo brockback. contudo, este seu dilecto sobrinho fica em "bug de estimação" com o seu regresso... e com o do seu culírio (perdão, deixei-me levar pelo tom retro do meu comentário). mesmo que eu não saiba onde isto vai acabar... pela minha parte estou a gostar dos preliminares. deixemos o resto em aberto... até mesmo o jake, pois em tempo de guerra não se limpam armas!

Bazaroca disse...

Uuufff estava a ver que não! E digo com sentido duplo; bem-vinda de volta Tia :D e com um tão esperado exemplar para a reentré do colírio ;)

Filomena Nunes disse...

Querida Tia H.

YOU'RE BACK!!!! I'M SO HAPPY!!!

Estava eu a trincar cada uma das 12 passas por cada uma das 12 badaladas do sino da torre, quando dou por mim a pensar com os meus botões, (que são bons ouvintes e não respondem, como convém), dizia, estava eu a pensar: "mas que coisa tão murcha para ser trincada numa altura destas em que, entre fatias paridas na quadra e sonhos para o Novo Ano, eu queria mesmo era trincar um pri... qualquer coisa mais.. tenra.. suculenta.. caliente...enfim... e acabo as divagações num mergulho na taça.. de champanhe, mais fresquinha mas não satisfeita!!!

E eis que soa o toque a reunir e cá estou eu de olhos marejados de essências de Iemanjá e de Neptuno com tanta saudade... e desta vez tive mesmo de esfregar os olhos à velha maneira dos punhos fechados, para acreditar, e só depois pude delirar com este colírio intensíssimo que me devolveu uma visão dos anjos e sobretudo uma promessa dos demónios...

Solícita como sempre, caída da minha hedoníssima (herdei o nome da tiazinha, como sabe) Vénus regida por um Marte que, quis Deus na Sua imensa sabedoria, caísse na minha casa 8... com ganas de, após tamanho jejum, afiambrar-me ao embrulho e desatar a gritar a plenos pulmões: "Tu Jake... mim Filó!!! (ahh não! não é neste filme...)

...e só posso, numa reverencia de joelho no chão, porque a vénia é p'rós tiozinhos, pregar-lhe um grande chocho no cachucho brasonado a agradecer-lhe eternamente este final de ano sabático que nos impôs, certamente, no maior dos sacrifícios.. que eu, entretanto, vou ali, já venho...

Desta sua sobrinha que nunca a esqueceu nem esquecerá,

Filó

Lilith disse...

Astrid, é um privilégio tê-la aqui connosco no Boudoir!

Sacerdotisa das nossas Almas que tanto tem para nos ensinar! Vou celebrar o seu lugar cativo aqui no Boudoir com um vinho do Porto... daqueles envelhecidos pelo tempo, cheios de vapores aromáticos e adocicados.

Que delícia, minha querida! Que delícia!

Beijo-a com vénias respeitosas e cumplices.

P.S. - Não confesse! Nem às paredes, nem a ninguém! ;)

Lilith disse...

Piquinho de Azedo!!! Querido! Seja muito, mas muito bem vindo ao Boudoir.

A Tia Hedonê gosta da sua espirituosidade, e, muito honestamente, dos seus comentários de teor Retro. Há que falar de arquitectura como de outra coisa qualquer.

Fico feliz que esteja satisfeito com os preliminares e, também, por deixar o Jake em aberto. Tem toda a razão, meu querido: em tempo de guerra não se limpam armas! E o Jake (des)arma qualquer pessoa.

Chuacs meu querido! Bem vindo ao Boudoir*

Lilith disse...

Bazzy, minha ternurenta sobrinha!

Que bom sentir-me recebida em seus braços!

Gostou? O Jake não foi difícil de convencer: é amorosamente atrevido! Foi prestável na sessão fotográfica, jantamos à beira rio algures em Lisboa, e como digestivo: subimos o elevador em Glória!

Beijos desta sua Tia Hedonê!

Lilith disse...

Dilecta, dilecta e deliciosamente dilecta sobrinha Filó!

Só você, minha querida! O que eu já me ri consigo! E o que eu tinha saudades das nossas amenamente diabólicas cavaqueiras (sem teor político, pois então!)

Traga as passas, o champanhe, Iemanjá e Neptuno, o Marte e a Vénus... traga toda a gente, que a festa ainda só agora começou! Ah! Filhas de Hedon!

Em meus braços a recebo, Deusa do Hades, Filha do Sol!

Consigo o Boudoir tem, realmente, mais encanto.

O ano sabático pareceu-me agora a Eternidade.

Beijos e mais Beijos e um até já, curtinho!

Sua

H.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...